top of page

Tratamento de canal ou implante dentário: qual a melhor opção?

Muitas vezes acreditamos que o implante dentário é uma solução definitiva e que é “melhor extrair” o dente que está causando problemas e “colocar um implante”. No entanto, é preferível, sempre que houver possibilidade e indicação, fazer um tratamento de canal e manter o dente em boca antes de optar por uma alternativa mais radical. Por não haver garantias de que irá funcionar, o implante deve ser a última opção.



O tratamento de canal consiste na remoção do nervo do dente e limpeza do local. O procedimento é necessário quando existe uma infecção ou inflamação avançada no dente.


Já os implantes dentários são indicados para substituir os dentes naturais nos casos em que não é mais possível recuperar a sua saúde, como, por exemplo, quando ocorre fratura que impossibilita a reabilitação das funções do dente, lesão de cárie muito extensa, atingindo a raiz, doença muito avançada na gengiva ou outros fatores.


Em muitos casos, dentes que teriam extração e substituição por implantes indicados, podem ser salvos usando tecnologia e condução adequada.


Mesmo que um dente esteja quebrado, cariado ou tenha infecção, em grande parte das situações é possível, com os tratamentos apropriados (como tratamento de canal, restaurações, pinos, coroas de porcelana, tratamento das gengivas), reabilitar o dente para que ele permaneça em função.


Antes de optar por uma opção drástica como perder o dente, é preciso verificar se foram tentadas todas as possibilidades de tratamento.


A Aurum Saúde dispõe de microscópio para o tratamento de canal, fluxo totalmente digital e outras modernas tecnologias para atender às necessidades de cada paciente com conforto e segurança.





14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page